08
nov

A equipe do Bezerro venceu nas penalidades o Tatu de Cima pelo placar de 4 x 2, depois de empatar na soma dos dois jogos pela semifinal, 2 a 0 na partida de ida e o mesmo placar na partida de volta tempo no normal, e agora irá enfrentar o Passagem Funda na grande final.
Com a bola rolando, a equipe do técnico Lázaro, precisando no mínimo devolver o placar da partida de ida, quando o Tatu venceu por 2 a 0, começa buscando logo abrir o placar o que consegue num lance de bola parada aos 08 minutos, Ninho cobra a falta, e o zagueiro tentando cortar manda para o fundo da própria rede, 1 a 0 Bezerro.
O jogo prossegue, com mais vontade da equipe local já que o Tatu ainda no primeiro tempo, com vantagem do empate ou derrota por um gol de diferença para se classificar, começou a fazer a clássica cera. O tempo vai passando, o jogo vai ficando disputado, mas os atacantes não aproveitavam as poucas oportunidades que surgiam e os goleiros, quando exigidos evitavam que surgissem os gols.

Aos 22, após lançamento na área, Diego chute um bomba que explode no travessão perdendo uma boa chance de ampliar o placar.
Aos 27, quem perde uma grande chance é Lázaro, da pequena área chuta firme o goleiro rebate nos seus pés e chuta pela linha de fundo desperdiçando grande oportunidade.
O segundo tempo começa muito corrido, e aos 08, numa jogada de bola parada, Renato obriga Gleidson a praticar uma grande defesa evitando o gol de empate. O jogo continua como na primeira etapa, nada de criação para os atacantes finalizarem com qualidade.
Aos 12, a defesa do Tatu afasta mal, e a bola se oferece para Fábio , que bate prensado pela linha de fundo.
Aos 33, o zagueiro Valmir falha e Gleidson evita o gol de empate com grande defesa.
Já nos acréscimos, o time do técnico Lázaro chegou ao placar que precisava para tentar decidir mais uma final do Rural. Aos 47 minutos do segundo tempo com um frangaço do goleiro Jocleison do Tatu, numa cobrança de falta por Leisvaldo, o Bezerro chega ao segundo gol e acaba momentaneamente com a festa da torcida visitante que comemorava a classificação. Com 2 a 0 no placar, repetia o resultado da partida de ida e para se conhecer o finalista a decisão foi para a disputa de pênalti.
Antes do final da partida, Lázaro fez entrar o goleiro reserva Ronilson só para a disputa das penalidades, e não deu outra, o goleiro defendeu duas cobranças e levou o Bezerro a mais uma final, 4 a 2.

* Confira a galeria de fotos desta notícia:

dscn8050 dscn8052 dscn8057 dscn8059 dscn8061 dscn8066 dscn8067 dscn8069 dscn8070 dscn8073 dscn8075 dscn8076 dscn8082 dscn8086 dscn8087 dscn8091 dscn8093