23
nov
Inter cogita ‘ressuscitar caso VR3’ e denunciar Vitória por suposta escalação irregular

Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias
A “novela” Victor Ramos pode voltar aos holofotes. De acordo com o site Uol, em matéria publicada nesta quarta-feira (23), o Internacional cogita acionar o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) para denunciar o Vitória por suposta escalação irregular. No entendimento dos cartolas colorados, o zagueiro Victor Ramos não reúne condições legais para atuar no Campeonato Brasileiro. O Bahia e o Flamengo de Guanambi entraram com uma ação na justiça desportiva em abril deste ano (saiba mais aqui), mas o caso acabou arquivado pelo STJD. Os dois clubes alegaram que Victor Ramos não reunia condições legais de atuar no Campeonato Baiano.  O zagueiro pertence ao Monterrey (MEX) e estava emprestado ao Palmeiras. Quando seu vínculo acabou com o Alviverde, o seu registro não retornou ao México. E em fevereiro, ele assinou com o Vitória, cedido pelo clube mexicano.  O Inter cogita sustentar a mesma tese. “Victor Ramos Ferreira não retornou para seu clube de origem, o Rayados de Monterrey, do México, e mesmo considerando que o atleta estava registrado no clube mexicano, este não completou a instrução de retorno de empréstimo no TMS, tendo como resultado que o ITC não foi pedido e entregue para a Federação Mexicana de Futebol, portanto forçoso concluir que a transferência foi nacional”, diz o trecho da decisão do relator Ronaldo Botelho Piacente, relator do caso na época.  O Inter ocupa a 17ª posição no Campeonato Brasileiro com 39 pontos conquistados, três a menos que o Vitória. Caso a denúncia seja acatada, o Rubro-negro perderia três pontos por partida que Victor Ramos atuou no certame. Ao todo, ele entrou em campo 24 vezes, o que daria 72 pontos. O Bahia Notícias tentou o contato com Raimundo Viana, presidente do Vitória, mas ele não retornou as ligações.
Fonte Bahia Noticias
images-3