02
jan

Em suas chegadas, tanto Oziel quanto o seu vice Vanir Koln foram ovacionados pelo  público na solenidade de posse.

Com grande público de empresários, lideranças políticas, profissionais liberais e populares, aconteceu ontem, por volta das 18:00 horas, na sede da AMMO (Associação dos Moradores do Mimoso do Oeste) a cerimônia de posse do prefeito eleito Oziel Oliveira (PDT) seu vice Vanir Kolln, e os 15 vereadores.
Também no mesmo evento o vereador Reinildo Nery foi eleito o presidente da Câmara Municipal para o biênio 2017/2018 com o placar de 12 votos a favor e 03 abstenções. No uso da palavra Reinildo foi enfático em dizer que estará com Oziel apoiando todos os seus atos em prol da sociedade luiseduardense.
Na solenidade de posse realizada na AMMO, um fato chamou a atenção dos presentes: Os relatos de Oziel e suas manifestações de repúdio com referência a situação de extremo abandono encontrada por ele e sua equipe de governo na administração Humberto Santa Cruz, segundo ele, entre muitos fatos encontrados:
Na infra estrutura, obras como praças, escolas, creches e outras, que consumiram enormes quantias de dinheiro, paradas pela metade e completamente abandonadas. As ruas extremamente esburacadas, praças e jardins municipais tomados pelo mato, além de imensos canais ocasionados pelas chuvas, que fez com que o rio de Pedras viesse a ter 25 km de seu leito tomado pela erosão.
A segurança pública fora de controle com quase 70 homicídios registrados em 2016 e milhares de assaltos que ainda não foram solucionadas as autorias e efetuados as devidas prisões dos assaltantes. Também o abandono de nossa Guarda Municipal, que além de não ter a mínima estrutura de trabalho, ainda estão com seus uniformes em trapos, por causa da demora do fornecimento das mesmas pelo governo municipal.
A educação municipal desorganizada, com escolas municipais com infraestrutura precária e material didático em péssimo estado. Além do fato das mesmas não terem uma simetria no programa educacional, com escolas com boa média escolar e outras completamente absoletas.
Na saúde, os postos, o Gileno e a UPA, além da falta de médicos e profissionais para um atendimento adequado, sem materiais básicos de atendimento à população, com equipamentos quebrados, faltando além de luvas descartáveis, esparadrapos, gases, medicamentos em gerais, até lençóis, pratos e talheres para pessoas que se encontram internadas. Além de todo esse descaso, Oziel citou o absurdo de três pessoas com graves fraturas, inclusive uma exposta, estarem há quase um mês internados esperando por cirurgias e procedimentos de emergência largados a própria sorte, esse último resolvido já na manhã deste domingo, quanto Oziel antes mesmo de tomar posse, ordenou a imediata transferência para o atendimento emergencial destes pacientes, assim como o atendimento mais humanitário dos outros cidadaos internados com menos gravidade.
Além de todos esses desmandes, ainda o fato dos funcionários concursados, ainda sem receber o 13º, mesmo a prefeitura tendo recebido os repasses para se efetuar os pagamentos aos mesmos.
Após a solenidade de posse, o prefeito Oziel Oliveira, no uso da palavra fez um convite aos presentes para se dirigirem a pé até a prefeitura municipal, para ser feita a assinatura dos últimos documentos posse. Uma grande multidão acompanharam Oziel e Vanir e ficaram aguardando no corredor da prefeitura o último ato para Oziel poder assumir suas funções como legítimo prefeito da gestão 2017/2020.
Fonte Lem Nws