02
dez

Para oportunizar a geração de emprego e renda, a Prefeitura de Barreiras, por meio da Secretaria de Assistência Social e Trabalho, está oferecendo cursos gratuitos com o objetivo de capacitar os alunos para o mercado de trabalho e estimular o desenvolvimento de negócios próprios. No Residencial São Francisco, são ofertadas aulas de informática, design de sobrancelhas, maquiagem e atendimento ao público. Já no Residencial Boa Sorte, os cursos são de produção de massas e pães, corte de cabelo e hidratação capilar.

“A partir dos conhecimentos adquiridos aqui quero realizar o sonho de implantar um salão de beleza comunitário junto com as moradoras. Eu soube das inscrições, vim e fiz a inscrição para o curso de maquiagem e design de sobrancelhas. O curso de maquiagem tem sido muito proveitoso, a professora é muito capacitada, nota 10”, disse a aluna Nilba Célia Rodrigues.

Segundo a assistente social, Clicylane Carneiro, a receptividade tem sido ainda maior desde que os cursos passaram a acontecer dentro dos centros comunitários dos residenciais. “Estamos realizando o trabalho social, que faz parte do Plano de Desenvolvimento Socioterritorial nos dois empreendimentos. Aqui no São Francisco são ofertadas 40 vagas por turma, e serão disponibilizados 20 cursos no total. Temos as aulas de informáticas que já estavam acontecendo, são cerca de 10 alunos por turma e 89 pessoas atendidas”, explicou Clicylane Carneiro, que é também responsável técnica da Secretaria de Assistência Social e Trabalho.

Para se adaptar ao público dos residenciais, a empresa UNILATUS que executa os cursos promove uma metodologia diferenciada. Segundo Ticiana Gomes, as atividades integram também as mães que não têm suporte para deixar os filhos em outros locais. “Atuamos na área de cursos profissionalizantes há um bom tempo e há 17 anos na área de educação, conhecemos bem a realidade desse público, e por isso buscamos flexibilidade tanto das mães trazerem os filhos pra cá, como oferecer atividades lúdicas para entreter as crianças. Sabemos que sem esse apoio muitas não poderiam estudar, então são disponibilizados cursos em todos os turnos do dia”, disse a representante da empresa.

            Na segunda-feira, 25, a secretária de assistência social e trabalho esteve nos Residenciais São Francisco e Boa Sorte para dar boas-vindas às novas alunas e acompanhar a aula inaugural do curso de maquiagem, que tem duração de 32 horas. “Essa é uma oportunidade diferenciada que ajuda este público a ter autonomia financeira e social, levantamos as demandas dos residenciais e já estamos realizando o acompanhamento social desde a implantação”, pontuou Karlúcia Macêdo.

Informações Dircom PMB