06
ago

O Centro de Referência em Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora (CEREST/Barreiras) tem entre suas finalidades, prestar suporte técnico e apoio matricial, que é o técnico-pedagógico, para a rede de serviços de saúde por meio da organização e planejamento de ações em saúde do trabalhador no nível regional e local. Partindo dessa vertente, a equipe do Cerest/Barreiras realizou em julho, uma qualificação sobre a utilização de agrotóxico e intoxicação exógena ocupacional para profissionais de saúde da Atenção Básica do município de Baianópolis.

Enfermeiros, agentes de endemias, agentes comunitários de saúde, dentre outros profissionais, tiveram orientações da maneira correta sobre a utilização e manejo de agrotóxicos, a fim de alertarem a população sob os riscos advindos da exposição aos produtos, bem como diagnosticar intoxicações agudas, crônicas e os sinais clínicos decorrentes da exposição aos agrotóxico.

De acordo com a coordenadora do Cerest, dentre os vários objetivos acerca da temática, essa qualificação profissional foi para nortear os profissionais da saúde para que realizem notificação dos casos de exposição a agrotóxicos em seu município.

“Eventos como este, nos proporcionam uma reflexão sobre os impactos deletérios do uso de agrotóxicos sobre o ambiente e a saúde humana, e alertam para a importância do monitoramento da exposição aos agrotóxicos, visando ao cuidado permanente com a saúde. A Prefeitura de Barreiras, através da Secretaria Municipal de Saúde, fortalece a importância do cuidado com a saúde e incentiva a equipe do Cerest a transmitir uma saúde mais humanizada para toda região oeste da Bahia”, destacou Janaina Oliveira.

#Blog do Boka/ Dircom PMB