27
ago

Sob o atento olhar de Adilton França, observador técnico do Esporte Clube Bahia, centenas de jovens foram avaliados

Aconteceu no final de semana p.p. em Barreiras uma avaliação do Esportes Clube Bahia organizada pela Escolinha Talento de Aço, Núcleo do clube na cidade para atender a região Há 08 meses que o professor de educação física e proprietário da Escolinha Talento de Aço, Lucas Cristiano, conseguiu essa parceria com o Esporte Clube Bahia.
Das poucas avaliações de jovens nascidos entre 2002 a 2009 já acontecidas em Barreiras, nunca se chegou a tantos pretendentes, quase mil, oriundos das várias escolinhas de futebol de Barreiras e da Região Oeste da Bahia.
Já no sábado, o observador técnico Adilton França fez uma visita à Escolinha Talento de Aço, onde conheceu as instalações de um dos núcleos do Esporte Clube Bahia no estado, viu o trabalho executado por Lucas Cristiano e sua equipe de colaboradores.
Na oportunidade, o observador em sua preleção, deu várias dicas de como os pretensos pretendentes a ídolos, no concorrido caminho do futebol, deveriam se portar. Adilton França nos vários conselhos aos presentes, incluindo alunos e responsáveis, falou dos estudos, da disciplina, do respeito aos professores e colegas, de não deixar subir os egos quando por ventura vir a conseguir os objetivos, chegar um dia defender as cores de um clube de futebol.
Na oportunidade, alguns dos responsáveis presentes, comentaram que só com a preleção. já tinha valido a pena o investimento feito pela Escola Talento de Aço com a vinda do observador técnico do Esporte Clube Bahia.
Iniciada às 07h:00hs do domingo (26), com a presença em torno de 1 300 pessoas, entreatletas, familiares e torcedores, foi iniciado o evento. Vários representantes das escolinhas da região marcaram presença acompanhando seus alunos. Devido a enorme quantidade de jovens desejosos a apresentarem suas qualidades futebolísticas que atenderam a convocação da Escolinha Talento de Aço, a avaliação terminou às 13h:30min sob o escaldante sol barreirense.
Quem acompanhou todo o movimento no Estádio Geraldão desde seu início foi o Sr. Armindo Brugnera Diretor Administrativo da Escola São José e da Faculdade Brasil, que além da educação, investe também no esporte.

Ao final, o Sr. Armindo falou da visão da Escola São José e da Faculdade Brasil, entidades que ele representa, sobre a parceira com a Escolinha Talento de Aço.

Adilton França, observador técnico do Esporte Clube Bahia falou da enorme participação dos jovens em busca de um lugar ao sol através do futebol.

O observador do Esporte Cluea Bahia falou da supresa com as escolinhas do futebol de Barreiras e deixou uma mensagem aos que não tiveram  a felicidade de constar entre os escolihidos.

* Confira a Galeria das Imagens desta Notícia: