06
nov
MBL-BA participa de mobilização pró-vaquejada; grupo faz cavalgada até a Assembleia

Foto: Max Haack/Ag. Haack/ Bahia Notícias
A seccional baiana do Movimento Brasil Livre (MBL) participa neste domingo (6) e segunda-feira (7) de uma mobilização a favor da manutenção das vaquejadas – a prática está sob holofotes após o Supremo Tribunal Federal (STF) ter considerado inconstitucional à lei cearense que regulamenta o evento, no último dia 6, que pode vir a ser aplicada em outros estados brasileiros. “Vivemos numa sociedade onde as pessoas têm a liberdade de exercer os esportes que gostam desde que não firam os direitos dos seus semelhantes”, afirma o coordenador do MBL –BA, Ricardo Almeida. Ele afirma que a organização está contra a decisão do STF, e destacou o volume de recursos financeiros movimentados pelas vaquejadas. De acordo com a Associação Brasileira de Vaquejadas (Abvaq), as vaquejadas movimentam cerca de R$ 700 milhões por ano e gera 750 mil empregos diretos e indiretos. As atividades, neste domingo, abriram às 7h com o desembarque de animais no Parque de Exposições. Às 12h, o grupo faz cavalgada até a Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA). Às 15h, será servido um almoço, seguido da Missa do Vaqueiro, às 17h. Uma hora depois, são realizadas palestras e apresentações musicais. Na segunda, o grupo se concentra às 7h na AL-BA, para participar da sessão especial, marcada para as 8h.
Fonte Bahia Noticias.