26
jun

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) aprovou o parcelamento em até 12 vezes do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais, o DPVAT (PLS 162/2014). O objetivo do autor, senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB), é suavizar o impacto financeiro dos proprietários de veículos ao longo do ano. Segundo Cássio, o valor é extremamente alto principalmente para os motociclistas, que possuem o maior custo de DPVAT em relação ao preço do veículo. A proposta ainda será votada em turno suplementar na CCJ e, se aprovada, seguirá para a Câmara dos Deputados. A reportagem é de Marcella Cunha, da Rádio Senado.

(informações Agência Senado)

Publicidade